Campeonatos Distritais Futebol – 6ª Jornada / 4ª Jornada

I Divisão (6ª jornada)

U. Tomar – Amiense – 0-0
Torres Novas – Marinhais – 1-1
Cartaxo – At. Ouriense – 1-1
Coruchense – Fazendense – 0-0
U. Almeirim – Samora Correia – 4-1
Ferreira do Zêzere – Alcanenense – 1-0
U. Santarém – Glória do Ribatejo – 2-0

                       Jg     V     E     D       G       Pt
 1º Coruchense          6     4     2     -    13 -  5    14
 2º U. Santarém         6     4     2     -    10 -  3    14
 3º U. Almeirim         6     4     1     1    14 -  5    13
 4º Fazendense          6     3     2     1     7 -  3    11
 5º Cartaxo             6     3     1     2    12 -  9    10
 6º U. Tomar            6     3     1     2     6 -  6    10
 7º Amiense             6     2     3     1     9 -  5     9
 8º At. Ouriense        6     2     3     1     7 -  5     9
 9º Ferreira Zêzere     6     2     -     4     6 -  9     6
10º Samora Correia      6     1     2     3     5 -  9     5
11º Alcanenense         6     1     1     4     6 -  9     4
12º Torres Novas        6     -     3     3     1 -  6     3
13º Marinhais           6     -     3     3     5 - 11     3
14º Glória Ribatejo     6     1     -     5     3 - 19     3

Melhores marcadores:

1º Moleiro (Amiense) – 6
2º Joel (Coruchense) – 5
3º Persi Mamede (U. Almeirim) e Wemerson Silva (Cartaxo) – 4

II Divisão (4ª jornada)

Série A

Tramagal – Ortiga – 0-2
Sardoal – Aldeiense – 1-2
Pego – Abrantes e Benfica – 3-4
U. Atalaiense – Riachense – 0-2
Caxarias – U. Tomar “B” – 1-2

1º Abrantes e Benfica, 12, 2º Riachense, 9; 3º Pego e U. Tomar “B”, 7; 5º Ortiga e Aldeiense, 6; 7º Caxarias e U. Atalaiense, 4; 9º Tramagal, 3; 10º Sardoal, 0

Série B

Folga: Salvaterrense
Folga: Benavente
Moçarriense – Emp. Comércio – 6-0
Espinheirense – Forense – 0-2
Rio Maior – Pontével – 2-0

1º Forense, 9; 2º Moçarriense, 9; 3º Benavente, 6; 4º Rio Maior, 6; 5º Pontével, 3; 6º Salvaterrense e Emp. Comércio, 1; 8º Espinheirense, 0

Anúncios

Outubro 28, 2018 at 6:16 pm Deixe um comentário

O Pulsar do Campeonato – 5ª Jornada

O pulsar do campeonato - 2018-19 - 5jornada

(“O Templário”, 25.10.2018)

Confirmou-se a possibilidade que aqui alvitrara na passada semana: com o triunfo do U. Tomar em Marinhais – terceiro consecutivo no campeonato –, foi estabelecido mais um marco histórico para o clube, com o treinador Lino Freitas a alcançar a 100.ª vitória como responsável técnico unionista, em 199 jogos disputados, desde a temporada de 2012-13 (o jogo n.º 200 realizou-se esta quarta-feira, com a recepção ao Tramagal, em partida em atraso da Taça do Ribatejo).

Para além da centena de êxitos agora assinalada, o treinador do União tem ainda um registo de 39 empates, tendo perdido em 60 ocasiões. Naqueles cem triunfos, os tomarenses marcaram 267 golos, tendo sofrido apenas 59, destacando-se as goleadas de 8-0 (aos Empregados do Comércio, em Santarém), 6-0 ao Benavente, 5-0 (quatro vezes), 4-0 e 3-0 (oito vezes cada) – 58 vitórias foram obtidas sem sofrer golos –, 5-1 e 4-1 (duas vezes cada).

As vitórias foram averbadas em casa (57), em terreno alheio (42) e em campo neutro (uma, na Final da Taça do Ribatejo). Os clubes mais vezes derrotados foram: Amiense (oito vezes) – curiosamente o próximo adversário –, At. Ouriense, Benavente, Empregados do Comércio e Moçarriense (seis vezes cada), Fazendense, Torres Novas e U. Abrantina (cinco vezes cada).

Na lista de treinadores mais vitoriosos do U. Tomar, a Lino Freitas seguem-se Eduardo Fortes, actual técnico do Ferreira do Zêzere (87 triunfos em 206 jogos), Vítor Esmoriz (79 vitórias em 147 jogos) e Artur Santos, antigo Campeão Europeu pelo Benfica (50 triunfos em 93 jogos).

Destaques – Atingindo-se a 5.ª jornada do Distrital da I Divisão, há a destacar o desempenho de Coruchense e U. Almeirim, ambos vencedores em reduto contrário, respectivamente em Samora Correia (2-1) e Alcanena (3-1), com a turma do Sorraia a isolar-se no comando da prova, tendo os almeirinenses ascendido ao 3.º lugar, que repartem com o vizinho Fazendense.

O grupo das Fazendas esteve, aliás, também em evidência, ao derrotar o Cartaxo, um candidato ao título que vacila pela segunda vez, ocupando, nesta altura, o 5.º posto, a par do… U. Tomar.

Em Marinhais, os tomarenses, denotando um grupo coeso, procurando superar as dificuldades que têm atravessado, controlaram o jogo praticamente de início a fim, não permitindo veleidades aos donos da casa. Com o central Allan Peixoto e o capitão Nuno Rodrigues uma vez mais em realce, apontando os dois golos, ao mesmo tempo que constituem esteios da equipa, esta terá sido a vitória (2-0) mais categórica da temporada.

Confirmações – Nos restantes encontros confirmaram-se as expectativas, com o nulo no Amiense-U. Santarém – num desafio de toada repartida – a atestar, por um lado, a dificuldade que é vencer no reduto de Amiais de Baixo e, por outro, que os escalabitanos são mesmo candidatos aos lugares cimeiros, pese embora tivessem, por agora, deixado escapar o líder.

O At. Ouriense venceu o Torres Novas por 2-0, ampliando para incríveis oito jogos a seca de golos dos torrejanos, que ainda não conseguiram marcar esta época! Em função disso, não tendo conseguido melhor que dois empates, partilham agora a “lanterna vermelha” com o Marinhais.

Por fim, na Glória do Ribatejo, com a goleada alcançada pelo Ferreira do Zêzere (4-0), vem confirmar-se também a grande fragilidade dos visitados (somam já 17 golos sofridos no campeonato) e, em paralelo, que os ferreirenses começaram a recuperar posições na tabela.

II Divisão Distrital – Pelos resultados obtidos nas três jornadas iniciais, ao líder Abrantes e Benfica, esta primeira fase do campeonato, na série mais a Norte, parece apresentar-se-lhe como que um “passeio”. De facto, a inclemente goleada de 9-1 alcançada frente ao Sardoal patenteia o grande desequilíbrio de forças. Menção ainda à vitória (2-1) do Pego em Riachos, que possibilitou aos pegachos subir à 2.ª posição, por troca, precisamente, com o Riachense. A equipa “B” do U. Tomar registou uma igualdade a dois tentos, na recepção à U. Atalaiense, com a particularidade de Ricardo Natividade ter apontado todos os golos até agora obtidos.

A Sul, a surpresa foi protagonizada pelo Forense, ao bater o Moçarriense por 3-1, ascendendo assim ao comando da série, partilhado com o Benavente (goleou o Salvaterrense por 4-0) e com a turma da Moçarria, mas esta com um jogo a mais que os seus dois concorrentes.

Taça de Portugal – O Campeonato de Portugal esteve em pausa no passado fim-de-semana, para disputa da 3.ª eliminatória (1/32 de final) da Taça de Portugal, fase em que entraram em prova os clubes da I Liga. O Fátima, que era o último clube “resistente” do Distrito, foi impotente para travar o Boavista, do principal escalão, perdendo por 1-4 (1-2 ao intervalo).

Antevisão – Na 6.ª ronda do Distrital da I Divisão, o “jogo grande” será o Coruchense-Fazendense (entre 1.º e 3.º classificados), no qual a formação da casa – que vem afirmando a sua posição – será favorita, mas em que uma eventual surpresa poderá estar à espreita…

O actual vice-líder, U. Santarém, deverá ter uma tarde tranquila, face à Glória do Ribatejo. Por seu lado, U. Almeirim (recebe o Samora Correia) e Cartaxo (que terá a visita do At. Ouriense), perfilam-se também como candidatos a somar mais três pontos, desde que não “facilitem”.

O U. Tomar recebe o Amiense, num desafio que se antevê de tendência equilibrada, podendo o factor casa assumir relevância. Em Ferreira do Zêzere, os ferreirenses pretenderão aproveitar a embalagem da vitória alcançada na Glória, em contraponto à quebra evidenciada pelo Alcanenense. Por fim, o Torres Novas poderá enfim quebrar o seu jejum, frente ao Marinhais.

No segundo escalão, a Norte, teremos um interessante Pego-Abrantes e Benfica, com a curiosidade de avaliar até que ponto o grupo abrantino poderá ter efectiva concorrência nesta série. O U. Tomar “B” desloca-se ao terreno do Caxarias, conjunto em que, na época passada, alinharam alguns dos seus jogadores. A Sul, temos um “derby” concelhio, entre Moçarriense e Empregados do Comércio, enquanto o Forense se desloca ao terreno do Espinheirense.

No Campeonato de Portugal, o Fátima não esperará facilidades na deslocação a Nogueira do Cravo, onde defronta o Nogueirense, clube que reparte com os fatimenses o 8.º posto. O Mação volta a jogar em casa, recebendo o actual 4.º classificado, Benfica e Castelo Branco, na expectativa de poder estrear-se a vencer no seu terreno nesta temporada.

(Artigo publicado no jornal “O Templário”, de 25 de Outubro de 2018)

Outubro 28, 2018 at 12:00 pm Deixe um comentário

Campeonato Nacional Hóquei em Patins – I Divisão – 3ª Jornada

Riba d’Ave – Valongo – 2-1
Barcelos – Turquel – 3-2
Sp. Marinhense – Oeiras – 7-3
H. Braga – Juv. Viana – 6-6
FC Porto – Paço Arcos – 5-2
Oliveirense – Benfica – 1-3 (28.05.2018)
Sporting – Sp. Tomar – 1-0 (28.05.2018)

1º FC Porto, 9; 2º Benfica e Sporting, 7; 4º Oliveirense, 6; 5º Barcelos, 5; 6º Valongo, H. Braga e Riba d’Ave, 4; 9º Sp. Marinhense, Sp. Tomar, Turquel e Oeiras, 3; 13º Juv. Viana, 1; 14º Paço Arcos, 0

Outubro 27, 2018 at 10:24 pm 2 comentários

Campeonato Nacional Hóquei em Patins – I Divisão – 2ª Jornada

Riba d’Ave – Sporting – 2-5
Valongo – Barcelos – 5-5
Turquel – Sp. Marinhense – 2-1
Oeiras – H. Braga – 4-2 (20.10.2018)
Juv. Viana – FC Porto – 2-8
Paço Arcos – Oliveirense – 0-5
Benfica – Sp. Tomar – 5-2

1º FC Porto e Oliveirense, 6; 3º Valongo, Benfica e Sporting, 4; 6º H. Braga, Sp. Tomar, Turquel e Oeiras, 3; 10º Barcelos, 2; 11º Riba d’Ave, 1; 12º Paço Arcos, Sp. Marinhense e Juv. Viana, 0

Outubro 24, 2018 at 10:43 pm 1 comentário

Taça Ribatejo – Fase Grupos – 1ª Jornada (act.)

Série 1

Sardoal – Riachense – 2-3
Torres Novas – Abrantes e Benfica – 0-1 (03.10.2018)

1º Riachense e Abrantes e Benfica, 3; 3º Sardoal e Torres Novas, 0

Série 2

Ferreira Zêzere – Amiense – 1-0
Alcanenense – At. Ouriense – 1-1

1º Ferreira Zêzere, 3; 2º Alcanenense e At. Ouriense, 1; 4º Amiense, 0

Série 3

Ortiga – U. Santarém – 1-1
U. Tomar – Tramagal – 2-1 (24.10.2018)

1º U. Tomar, 3; 2º U. Santarém e Ortiga, 1; 4º Tramagal, 0

Série 4

Pego – Aldeiense – 5-0
U. Atalaiense – Caxarias – 1-1

1º Pego, 3; 2º U. Atalaiense e Caxarias, 1; 4º Aldeiense, 0

Série 5

Pontével – Emp. Comércio – 2-0
Forense – Rio Maior – 0-2

1º Rio Maior e Pontével, 3; 3º Emp. Comércio e Forense, 0

Série 6

Folga: Samora Correia
Moçarriense – U. Almeirim – 1-1

1º U. Almeirim e Moçarriense, 1; 3º Samora Correia, 0 (desistência do Barrosense)

Série 7

Glória do Ribatejo – Marinhais – 0-6
Benavente – Fazendense – 1-1

1º Marinhais, 3; 2º Fazendense e Benavente, 1; 4º Glória do Ribatejo, 0

Série 8

Coruchense – Espinheirense – 4-0
Salvaterrense – Cartaxo – 0-7

1º Cartaxo e Coruchense, 3; 3º Espinheirense e Salvaterrense, 0

Serão apurados para os 1/8 de final os dois primeiros classificados de cada uma das séries.

Outubro 24, 2018 at 10:34 pm Deixe um comentário

Campeonatos Distritais Futebol – 5ª Jornada / 3ª Jornada

I Divisão (5ª jornada)

Marinhais – U. Tomar – 0-2
At. Ouriense – Torres Novas – 2-0
Fazendense – Cartaxo – 2-1
Samora Correia – Coruchense – 1-2
Alcanenense – U. Almeirim – 1-3
Glória do Ribatejo – Ferreira do Zêzere – 0-4
Amiense – U. Santarém – 0-0

                       Jg     V     E     D       G       Pt
 1º Coruchense          5     4     1     -    13 -  5    13
 2º U. Santarém         5     3     2     -     8 -  3    11
 3º U. Almeirim         5     3     1     1    10 -  4    10
 4º Fazendense          5     3     1     1     7 -  3    10
 5º Cartaxo             5     3     -     2    11 -  8     9
 6º U. Tomar            5     3     -     2     6 -  6     9
 7º Amiense             5     2     2     1     9 -  5     8
 8º At. Ouriense        5     2     2     1     6 -  4     8
 9º Samora Correia      5     1     2     2     4 -  5     5
10º Alcanenense         5     1     1     3     6 -  8     4
11º Ferreira Zêzere     5     1     -     4     5 -  9     3
12º Glória Ribatejo     5     1     -     4     3 - 17     3
13º Torres Novas        5     -     2     3     0 -  5     2
14º Marinhais           5     -     2     3     4 - 10     2

Melhores marcadores:

1º Moleiro (Amiense) – 6
2º Joel (Coruchense) – 5
3º Persi Mamede (U. Almeirim) – 4

II Divisão (3ª jornada)

Série A

Aldeiense – Tramagal – 0-2
Abrantes e Benfica – Sardoal – 9-1
Riachense – Pego – 1-2
U. Tomar “B” – U. Atalaiense – 2-2
Ortiga – Caxarias – 0-1

1º Abrantes e Benfica, 9, 2º Pego, 7; 3º Riachense, 6; 4º Caxarias, U. Atalaiense e U. Tomar “B”, 4; 7º Ortiga, Tramagal e Aldeiense, 3; 10º Sardoal, 0

Série B

Benavente – Salvaterrense – 4-0
Folga: Emp. Comércio
Forense – Moçarriense – 3-1
Pontével – Espinheirense – 3-1
Folga: Rio Maior

1º Benavente e Forense, 6; 3º Moçarriense, 6; 4º Rio Maior e Pontével, 3; 6º Emp. Comércio, 1; 7º Salvaterrense, 1; 8º Espinheirense, 0

Outubro 21, 2018 at 8:08 pm Deixe um comentário

O Pulsar do Campeonato – 4ª Jornada

O pulsar do campeonato - 2018-19 - 4jornada

(“O Templário”, 18.10.2018)

À quarta jornada do Distrital da I Divisão, os principais candidatos à disputa dos lugares do pódio “instalaram-se” já na parte cimeira da tabela, sendo de assinalar a ascensão do U. Almeirim ao grupo dos 4.º classificados (integrando também Amiense e Fazendense), somente a três pontos do duo que continua a partilhar a liderança. Notas especiais também para a segunda vitória sucessiva do U. Tomar e, pela negativa, para o Torres Novas, que, ao fim de sete jogos já disputados na presente temporada, subsiste em branco, não se tendo ainda estreado a marcar!

Destaques – O principal destaque da ronda vai para o triunfo do U. Santarém em Ferreira do Zêzere (2-0), continuando firme no comando (a par do Coruchense), confirmando que são bem credíveis as suas aspirações. Ao invés, os ferreirenses, tendo somado o quarto desaire em outras tantas partidas, continuam isolados na indesejada condição de “lanterna vermelha”, mas é preciso ter em atenção que, com um calendário muito difícil até agora, defrontaram já os dois guias (no seu terreno), para além do Amiense e U. Almeirim (fora de casa).

Outra nota de realce vai para o Fazendense, vencedor em Torres Novas, por igual marca de 2-0. Em contraponto ao preocupante desempenho dos torrejanos (pese embora tenham sofrido apenas três golos), a turma das Fazendas de Almeirim reagiu muito bem à adversidade da derrota caseira ante o U. Tomar – única equipa que, até à data, desfeiteou a sua baliza em jogos do campeonato (com dois tentos sofridos, o Fazendense regista a defesa menos batida da prova).

Em Marinhais, confirmou-se a tendência dos visitados para conseguir melhores resultados em terreno alheio que em casa, tendo voltado a perder (1-3) no seu reduto – depois de terem sido também batidos pelo Fazendense –, ante uma equipa do Amiense, a dar boa conta de si nesta fase inicial do campeonato.

Confirmações – Nos restantes encontros não há particulares surpresas a anotar, merecendo, não obstante, menção especial o triunfo do U. Tomar ante o At. Ouriense (outra vez por 2-1, tal como sucedera na época anterior, marcador que, aliás, se regista pela quarta vez consecutiva, nas últimas quatro vitórias averbadas pelos unionistas).

Perante um adversário muito bem organizado e de bom potencial, num desafio repartido e que poderia ter “caído” para qualquer um dos lados, os tomarenses tiveram de apelar a uma grande solidariedade e espírito de equipa para salvaguardar a vantagem que, com grande eficácia, alcançaram (salientando-se a excelente execução do central Allan Peixoto, na conversão de um livre, a apontar o segundo golo). Com os seis pontos somados nas duas últimas partidas, o União ascendeu à primeira metade da pauta classificativa, somente a três pontos do 3.º lugar.

O U. Almeirim não teve dificuldades, goleando (4-0) o Glória do Ribatejo – equipa que vem denotando grandes fragilidades a nível defensivo (acumula já 13 golos sofridos em quatro jornadas, a que se soma a “débacle” dos 6-0 sofridos em casa no encontro da Taça) –, ao contrário do Cartaxo (que mantém a 3.ª posição, na peugada dos líderes, um único ponto abaixo), que se impôs ao Samora Correia por tangencial 1-0. Em Coruche, o guia venceu por 3-1 (regista o melhor ataque, com 11 golos), ante uma equipa do Alcanenense que só conseguiu vencer na ronda inaugural (o U. Tomar), do que resultou uma queda até ao 10.º lugar.

II Divisão Distrital – A Norte, o Abrantes e Benfica voltou a golear, agora por 4-0, num “derby”, no terreno do Tramagal. Também o Riachense parece afirmar o seu potencial, tendo ganho no Sardoal por categórica marca de 3-0, partilhando a liderança da série com os abrantinos. Por seu lado, a equipa “B” do U. Tomar não pôde contrapor aos superiores argumentos do Pego, a jogar no seu reduto, tendo os pegachos vencido por 2-0. A Sul, merece destaque o empolgante desafio entre Moçarriense e Pontével, com sucessivas cambiantes e reviravoltas no marcador, com os donos da casa a ganhar por 4-3, isolando-se na frente.

Campeonato de Portugal – Atingindo-se já a 8.ª jornada, o Fátima voltou aos triunfos, batendo o Caldas por 2-0, ocupando lugar tranquilo na primeira metade da tabela, já com uma boa margem de segurança (sete pontos) em relação à “linha de água”. Ao contrário, o Mação, pese embora tenha conseguido enfim interromper a série de seis desaires sucessivos que acumulava, não foi além do nulo na recepção ao “lanterna vermelha”, Peniche, pelo que se mantém em posição indesejável (antepenúltimo classificado), não obstante o atraso face à tal linha de “sobrevivência” no Nacional seja de apenas três pontos, mas com um sinal de alerta decorrente do facto de a distância ser já notoriamente superior para os lugares imediatamente acima.

Antevisão – Neste fim-de-semana, no Distrital da I Divisão, realce para três jogos que concentram as atenções, começando pelo “derby” Amiense-U. Santarém, sendo que os outros dois ocupantes dos lugares do pódio terão também missões de elevado nível de exigência: o Coruchense viaja até Samora Correia, enquanto o Cartaxo visita Fazendas de Almeirim.

Mas há mais motivos de interesse: o U. Almeirim terá também uma difícil saída, até Alcanena, enquanto se espera que o U. Tomar possa dar continuidade aos resultados positivos na deslocação a Marinhais, num jogo em que se poderá estabelecer mais um marco histórico para o clube, caso os unionistas consigam vencer. Em Ourém, o Torres Novas, visando quebrar o “jejum”, não deverá ter tarefa fácil perante um adversário bastante capacitado, podendo, por seu lado, o Ferreira do Zêzere marcar o(s) primeiro(s) ponto(s) na Glória do Ribatejo.

Na divisão secundária, a Norte destaca-se o confronto entre Riachense e Pego, com o U. Tomar “B” a receber a U. Atalaiense. Quanto ao líder, Abrantes e Benfica, terá a visita do Sardoal. A Sul, o líder, Moçarriense, desloca-se ao terreno do Forense.

O Campeonato de Portugal estará em pausa, para disputa da eliminatória correspondente aos 1/32 de final da Taça de Portugal, na qual o Fátima é o único representante do Distrito ainda em prova, tendo-lhe calhado em sorteio receber o histórico Boavista, da I Liga, campeonato em que ocupa actualmente o 11.º lugar. A festa está garantida; poderá haver “tomba-gigantes”?

(Artigo publicado no jornal “O Templário”, de 18 de Outubro de 2018)

Outubro 21, 2018 at 11:00 am Deixe um comentário

Artigos Mais Antigos Artigos mais recentes


Autor – Contacto

Destaques

União de Tomar - Recolha de dados históricos

Calendário

Novembro 2018
S T Q Q S S D
« Out    
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930  

Arquivos

Categorias