O Pulsar do Campeonato – 4ª Jornada

Outubro 9, 2016 at 11:00 am Deixe um comentário

pulsar-4

(“O Templário”, 06.10.2016)

Após a quarta ronda do Distrital da I Divisão, começa a criar-se já um relativamente importante fosso pontual entre o líder (Coruchense, com o pleno de doze pontos) e o trio que partilha agora a 6.ª posição (que regista seis pontos, ou seja apenas metade da pontuação averbada pelo guia). Ou, dito de outra forma, se isolarmos também o 5.º classificado (Mação, com sete pontos), apenas o quarteto da frente se mantém agora concentrado num intervalo de três pontos.

Nesse lote de quatro clubes, para além das expectáveis presenças de União de Tomar e Riachense, o realce vai para o excelente arranque de campeonato do Samora Correia – a par do comandante, a única formação ainda invicta –, com o valor acrescentado de, nas duas deslocações que realizou, ter ido vencer ao terreno de ambos os clubes do município torrejano (depois do Riachense, também o Torres Novas, e curiosamente pela mesma marca).

Destaques – O principal destaque da jornada vai para a vitória – quarta consecutiva, em outros tantos jogos disputados – do Coruchense, na recepção ao Fazendense, pese embora por tangencial 1-0, a atestar as dificuldades que a turma de Fazendas de Almeirim terá colocado ao seu cotado oponente. Ainda assim, a proporcionar ao grupo do Sorraia “arredondar” a sua conta: totaliza agora 12 pontos e 12 golos marcados, subsistindo as suas balizas invioladas.

A merecer realce também a vitória “fora de portas” do At. Ouriense, em Benavente (com um empolgante marcador de 3-4), num desafio em que se enfrentavam os dois últimos classificados. Com este resultado, os oureenses poderão “respirar” um pouco melhor, enquanto o conjunto da casa se começa a “afundar” em posição de risco (não obstante registe atraso de somente três pontos face à “linha de água”, agora traçada precisamente por At. Ouriense e “Caixeiros”).

Por fim, é de sublinhar o importante o triunfo alcançado pelo União de Tomar no Pego, também mercê de um solitário tento. Uma vez mais os unionistas voltaram a ter entrada muito forte, pressionando o adversário, criando sucessivos lances de ataque, mas continuando a ser bastantes perdulários, demorando, desta feita, a obtenção do golo.

Aliás, com o Pego – beneficiando da maior adaptação ao piso de terra batida (único em campos de clubes da I Divisão Distrital, nesta temporada) –, gradualmente, à medida que o tempo ia decorrendo, a ir adquirindo maior confiança, começando a procurar ameaçar em lances de contra ataque, em que podia inclusivamente ter também marcado. De qualquer forma, num balanço global dos noventa minutos, a prestação de alto nível a que o guardião pegacho se viu forçado traduz a justiça do desfecho da partida, que proporciona aos tomarenses reduzirem a concorrência a nível do 3.º lugar da tabela, que repartem agora, apenas, com o Riachense.

Surpresa – O resultado porventura mais surpreendente da jornada foi o que se registou em Torres Novas, com uma irreconhecível equipa torrejana – que soma, até agora, um único ponto, tendo perdido já por três vezes – a ser desfeiteada (1-2) pelo Samora Correia, recém-promovido da II Divisão Distrital, mas a denotar credenciais para se posicionar na metade cimeira da pauta classificativa, com a tal particularidade de ter já, anteriormente, batido igualmente os riachenses.

Confirmações – A formação de Riachos confirmou o seu favoritismo, recebendo o Amiense, ganhando, porventura com mais dificuldade que esperado, curiosamente pela mesma marca do Coruchense (1-0), mantendo a recuperação do tal “passo em falso” ante os samorenses.

Também o U. Almeirim venceu o seu encontro, em que recebeu a visita dos Empregados do Comércio, também por tangencial desfecho de 2-1, num jogo que se esperaria talvez algo mais desequilibrado.

A manter uma boa cadência, de resultados positivos, segue igualmente o Mação, impondo o nulo no marcador, na sempre difícil deslocação ao Cartaxo. Um desfecho que possibilita aos maçaenses, tradicionalmente de grande regularidade, ocupar o 5.º lugar, enquanto os cartaxenses, com actuação mais discreta, se quedam para já por modesta 10.ª posição.

Campeonato de Portugal – Depois de três vitórias nos três encontros que disputara até então, não deixa de surpreender a expressão do desaire do Fátima face ao Carapinheirense, goleado por pesada marca de 0-4, tendo baixado assim ao 4.º lugar (mas ainda com um jogo em atraso, que, em caso de vitória, poderá ainda alcandorar os fatimenses até ao 2.º posto). Mais expectável terá sido a derrota do Alcanenense em Torres Vedras, ante o 2.º classificado, Torreense, pela margem mínima, de 1-2. Todavia, a turma de Alcanena (agora isolada na 5.ª posição) terá de manter-se alerta, dado que, tendo somado apenas duas vitórias em cinco jornadas, tem somente uma curta folga de três pontos sobe a “linha de água”.

Antevisão – Na próxima ronda do Distrital da I Divisão, o “jogo grande” será o que opõe, em Tomar, os actuais 2.º e 3.º classificados, com o União a receber o Samora Correia, num teste importante às suas capacidades. Merecem igualmente atenção o Mação-Coruchense (ocasião pare recordar que, na época pretérita, os maçaenses impuseram ao Fátima um dos dois únicos empates que o Campeão viria a registar em toda a prova), assim como o At. Ouriense-Riachense, que colocará também à prova o grupo dos Riachos. Na Ribeira de Santarém, estarão em confronto directo dois clubes actualmente a passar por algumas “aflições”, com os Empregados do Comércio a receberem o Torres Novas.

Antes disso, foi agendada para meio da semana, no feriado de 5 de Outubro, a disputa da 1.ª jornada da fase de grupos da Taça do Ribatejo, em que se destacavam especialmente os confrontos Samora Correia-Coruchense (os dois primeiros do campeonato) e Riachense-Torres Novas, com o União de Tomar num fraternal encontro com o vizinho clube de Caxarias.

Na 6.ª ronda do Campeonato de Portugal, o Fátima recebe o U. Leiria (com prestação aquém das expectativas), enquanto o Alcanenense actua também em casa, ante o Vilafranquense.

(Artigo publicado no jornal “O Templário”, de 6 de Outubro de 2016)

Entry filed under: U. Tomar. Tags: .

Campeonato Nacional Hóquei em Patins – I Divisão – 2ª Jornada Campeonatos Distritais Futebol – 5ª Jornada / 1ª Jornada

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Autor – Contacto

Destaques

União de Tomar - Recolha de dados históricos

Calendário

Outubro 2016
M T W T F S S
« Set   Nov »
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  

Arquivos

Categorias


%d bloggers like this: